Imprensa

Notícias

Informe o número, companhia aérea, origem ou destino do voo.

Cia. Aérea Horário Voo Destino  
Lista completa de voos

Por Raquel Furtado, do blog Vamos pra onde?

Amsterdam é uma cidade pequena: com 3 dias bem aproveitados você consegue ver muito do que ela tem a oferecer. Dito isso, gosto sempre de separar um ou dois dias sem qualquer roteiro em cidades turísticas. Isso porque é uma delícia realmente viver a cidade sem pressa, sem horário e se sentir, nem que por um dia, como um local. Fazer um almoço mais longo ou curtir um brunch, visitar lojinhas, namorar os bairros e as construções e relaxar no parque.

Se você tiver disponibilidade, 4 ou 5 dias em Amsterdam são uma ótima pedida. Se não, não se preocupe: o roteiro de 3 dias que preparei está super especial -ainda incluí um passeio de bike para dar esse gostinho de local.

Foto1

Mas, antes do roteiro, uma observação: Amsterdam é uma cidade com clima imprevisível. O dia aberto e ensolarado se transforma em chuvoso em questão de minutos. Não deixe essa característica atrapalhar sua programação, ok? Basta alguns leves ajustes que tudo se ajeita – por ex: quando chover, corra para um museu; quando abrir o sol, aproveite as
atrações ao ar livre.

Vamos então a um roteiro completinho para que esses 3 dias sejam muito bem aproveitados.

Dia 1: Sinta a cidade

A primeira sugestão é alugar uma bicicleta e logo no primeiro dia ver a cidade de cabo a rabo. Como falei, Amsterdam é pequena e em um dia de passeio você consegue sentir a cidade e entender a cultura local. Além disso, vai praticamente se misturar com os locais porque eles andam muito de bicicleta, pra todo lado! Aproveite pra ver muita paisagem incrível e prestar atenção em cada detalhe das construções.

Passeio de barco pelos canais de Amsterdam. Veja dicas!

Bairros como Jordaan são verdadeiros colírios para os olhos. É nele que estão as mais charmosas pontes sobre os canais. Pedale por lá e e encontre um banquinho à beira de um canal enquanto faz um pequeno piquenique. Nos supermercados você compra facilmente queijos, pães e vinho, se quiser.

O passeio pode render o dia todo. Faça algumas paradas estratégicas, como por exemplo, a Praça Dam. Ela é uma das principais praças da cidade: abriga o palácio real, muitas lojas importantes como a maior loja de departamento da Holanda, “Bijenkorf” e atrações como o museu “Madame Tussauds”. Próximo a Dam também está localizado um dos bairros mais famosos da cidade, o “Red Light District”. A visita é rápida então uma passadinha só para matar a curiosidade pode valer a pena! Você também verá a estação Central, uma estação de trem com um dos prédios mais antigos da cidade. Se você não anda de bicicleta, saia para caminhar e explore o Jordaan. Você vai se encantar. Pegue o transporte coletivo se precisar.

Foto2

Dia 2: Duas visitas tradicionais

Vamos começar o dia com um museu: A casa da Anne Frank é a nossa sugestão (e aproveite para, antes de viajar, ler o seu livro, se você ainda não o fez). O ideal é reservar a entrada com antecedência (boa sorte, porque esgota rápido) e tentar ir logo pela manhã. Como a história contada no museu é bem triste, sugiro uma tarde com algumas atividades divertidas para melhorar o clima. Eu fiquei bem emocionada quando visitei.

Minha dica é que combine a visita com a Fábrica da Heineken, que proporciona uma experiência super divertida, com direito à história do lugar, degustação de cerveja e várias interações até difíceis de explicar. Você pode ainda comprar o pacote que dá direito a um passeio de barco pelos canais e uma visita ao A’dam tower – a maior torre próxima ao centro da cidade, com uma vista do rooftop maravilhosa (dá pra ver a cidade toda). Dá até pra jantar por lá. Mesmo que não compre o pacote, visite esse lugar!

Foto3

Dia 3: IAMsterdam

Comece o dia com um café da manhã especial. Vá até a Leideseplein e coma no De Balie. Não podemos deixar de fora os museus “Rijksmuseum” e “Van Gogh”, localizados bem próximos um do outro. Os museus ainda ficam em frente à famosa placa do I Amsterdam -aquela que rende a foto “obrigatória” no seu álbum de viagem à Holanda. Observação: ao chegar nos museus, dê uma conferida na praça e veja como está o movimento.

Keukenhof: dicas para visitar o parque das tulipas, na Holanda

De manhã costuma ter menos gente, o que pode garantir uma melhor foto. Aproveite também as barquinhas de cachorro quente que existem por ali e faça um lanche apreciando a paisagem. À tarde, recomendo um passeio ao parque mais famoso da cidade, o Vondelpark. Num dia de sol, então, essa é uma excelente pedida (até com um piquenique).

Se você não tiver feito o passeio de barco pelos canais no combo com a Fábrica da Heineken, sugiro que o faça nesse seu último dia, para encerrar seu roteiro com chave de ouro.