Imprensa

Notícias

Informe o número, companhia aérea, origem ou destino do voo.

Cia. Aérea Horário Voo Destino  
Lista completa de voos

Quase 9 milhões de lugares são ofertados pelas companhias aéreas em voos domésticos e internacionais 

 

Rio de Janeiro, 21 de novembro de 2017 – Diante da expectativa de um final de ano mais otimista na aviação e de crescimento da demanda por voos, tanto de passageiros brasileiros quanto estrangeiros, o RIOgaleão se preparou para a alta temporada 2017/2018 com novas rotas e aumento nas frequências internacionais já existentes. A previsão é de um aumento no movimento do Aeroporto Internacional Tom Jobim de aproximadamente 5% em comparação com o mesmo período do ano passado. Na alta temporada anterior, o RIOgaleão ofertou cerca de 8,5 milhões de assentos e agora o número pode chegar a 8,9 milhões, incluindo as novas linhas que atuarão no terminal para destinos como Europa, Estados Unidos, América do Sul e África.

Os números demonstram que a malha aérea do Rio está em crescimento e que as empresas aéreas estão confiantes no aumento do interesse do viajante pela cidade, seja a turismo, a trabalho ou como ponto de conexão. A qualidade dos serviços prestados pelo aeroporto, a maior conectividade do aeroporto com outras cidades (aumento de conexões do RIOgaleão com outras cidades) e os incentivos oferecidos têm atraído companhias aéreas para o terminal. Uma comparação entre 2017 com as previsões de 2018 monstra que deve haver um crescimento de 8% na oferta de assentos de voos para Europa e Estados Unidos. Já para destinos da América Latina, o aumento previsto é de 3%.

Hoje, posicionado como um hub de conexão, o RIOgaleão já atende uma malha aérea que abrange todas as regiões do país. A procura por conexões aumentou comparando 2016 com 2017 – entre voos domésticos cresceu 12% e entre domésticos/internacionais, 15%. O aeroporto é um dos principais hubs da GOL Linhas Aéreas no Brasil. Dessa forma, o terminal facilmente se conecta com os principais destinos das regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul. Além de disponibilizar diversas opções de voos nacionais, o Aeroporto Internacional Tom Jobim se fortalece como principal ponto de conexão de turistas estrangeiros para outros destinos dentro do país – graças, também, à posição geográfica estratégica, que facilita a distribuição de rotas.

Em outubro, três linhas acrescentaram novas frequências de voos e uma linha apresenta uma nova rota. A Alitalia adicionou uma frequência para Roma (Itália), passando a realizar voos diários; a British Airways, que passa a operar voos com o Boeing Dreamliner 787-8, tem nova frequência para Londres (Inglaterra), totalizando seis voos por semana – a partir de maio de 2018, o voo volta a ser diário no aeroporto carioca –; e a Royal Air Maroc, que já realiza dois voos semanais para Casablanca (Marrocos), passa a viajar três vezes por semana para o destino. Para completar, a LATAM começa a operar o voo Rio-Lima (Peru) quatro vezes por semana.

Em novembro, a KLM adiciona mais uma frequência para Amsterdam (Holanda), passando a operar com voos diários; e a TAAG opera mais um voo para Luanda (Angola), totalizando cinco voos semanais. Em dezembro, a Delta Airlines apresenta mais um voo para Nova York (Estados Unidos), totalizando seis voos por semana para o destino e a American Airlines apresenta duas novidades: um novo voo para Dallas (Estados Unidos), três vezes por semana conectando com Los Angeles e Las Vegas, e mais um voo diário para Miami (Estados Unidos).

A partir também de dezembro, a Sky Airlines, do Chile, começará a voar do Rio para Santiago três vezes por semana. Dentre as novas companhias aéreas que estreiam suas operações no RIOgaleão, a LOT Polish Airlines, da Polônia, confirmou 15 voos de natureza não regular a serem realizados entre novembro deste ano e março do ano que vem.

Em janeiro de 2018, a Amaszonas Línea Aérea, da Bolívia, chega ao RIOgaleão para operar quatro voos semanais para Assunção (Paraguai). A Aerolíneas Argentinas fará um voo semanal para Rosário (Argentina) e dois voos semanais para Córdoba (Argentina). A LATAM passa a operar voos diários para Montevidéu (Uruguai). Atualmente, a companhia aérea realiza cinco voos semanais para o destino uruguaio. Já a GOL contará com voos diários para Rosário (Argentina).

No segundo semestre de 2018, em julho, a Aerolíneas Argentinas realizará um voo semanal para Córdoba (Argentina) e a GOL operará duas vezes semanais para Mendoza (Argentina). O RIOgaleão conta com 21 companhias aéreas internacionais e quatro domésticas operando para 27 destinos nacionais e 29 para o exterior.

 

Modernização do aeroporto

– A nova realidade do RIOgaleão, após mais de R$ 2 bilhões de investimento, conta com incrementos em pistas e segurança, novas ilhas de check-in, 58 novos fingers, balcões de transferência na área restrita para passageiros em conexão doméstica e internacional e tecnologia no acesso ao embarque e no controle de fronteiras. Tudo isso nos permitiu baixar nosso tempo de conexão (MCT – Minimum Connection Times), tempo mínimo considerado suficiente para que um passageiro estabeleça uma ligação entre um voo de chegada e um voo de partida -, explica Patrick Fehring, diretor de desenvolvimento estratégico e cargas do RIOgaleão.

Além de colaborar com a conectividade entre destinos, a parceria com a GOL Linhas Aéreas também trouxe novidades para o passageiro que está em trânsito entre um voo internacional e um voo doméstico. Desde agosto desse ano, o viajante dispõe do serviço exclusivo de self bag drop, ao embarcar em conexões dentro do Brasil. Com isso, logo após passar pela inspeção da Receita Federal, o passageiro tem a facilidade de despachar a sua bagagem para o próximo voo em um espaço dedicado antes da entrada no Duty Free.

 

Resumo dos novos voos, frequências e companhias aéreas internacionais

1)    Novas Frequências

Outubro/2017

Alitalia adicionou uma frequência para Roma (Itália) e passou a realizar voos diários;

British Airways, que passa a operar voos com o Boeing Dreamliner 787-8, tem nova frequência para Londres (Inglaterra), totalizando seis voos por semana. A partir de 2018, a frequência vira diária;

Royal Air Maroc, que já realiza dois voos semanais para Casablanca (Marrocos), passa a viajar três vezes por semana para o destino.

 

Novembro/2017

KLM adiciona mais uma frequência para Amsterdam (Holanda), passando a operar com voos diários;

TAAG opera mais um voo para Luanda (Angola), totalizando cinco voos semanais.

 

Dezembro/2017

Delta Airlines apresenta mais um voo para Nova York (Estados Unidos), totalizando seis voos por semana para o destino.

 

Dezembro/2017 a Fevereiro/2018 (sazonal)

American Airlines apresenta mais um voo diário para Miami (Estados Unidos).

 

Janeiro/2018

Latam passa a operar voos diários para Montevidéu (Uruguai);

GOL passa a operar voos diários com destino à Rosário (Argentina).

 

Março/2018

Latam adiciona mais um voo para Montevidéu (Uruguai) passando de cinco voos semanais para seis.

 

2)    Novos Voos

 

Outubro/2017

LATAM começa a operar o voo Rio-Lima (Peru) quatro vezes por semana.

 

Dezembro/2017

Sky passa a operar novo voo Rio-Santiago (Chile) três vezes por semana;

American Airlines opera novo voo para Dallas (Estados Unidos) três vezes por semana conectando com Los Angeles e Las Vegas.

 

Janeiro/2018

Amaszonas Línea Aérea inicia operação de quatro voos semanais para Assunção (Paraguai);

Aerolíneas Argentinas opera um voo semanal para Rosário (Argentina) e dois voos semanais para Córdoba (Argentina).

 

Julho/2018

Aerolíneas Argentinas opera um voo semanal para Córdoba (Argentina);

GOL opera para Mendoza (Argentina) duas vezes por semana.

 

3)    Voos Charter (não-regular)

 

Novembro

LOT Polish Airlines, da Polônia, já confirmou 15 voos de natureza não regular, a serem realizados entre novembro deste ano e março do ano que vem.

 

4)    Novas Companhias Aéreas

 

Novembro

LOT Polish Airlines, da Polônia (voos não-regulares);

 

Dezembro

Sky, do Chile;

 

Janeiro

Amaszonas Línea Aérea, da Bolívia

 

5)    Previsão de aumento de capacidade de voos internacionais (comparativo 2017×2018)

 

Rio – Europa: crescimento de 8%

Rio – Estados Unidos: crescimento de 8%

Rio – América Latina: crescimento de 3%

Aumento de conexões doméstico-doméstico (2016×2017): 12%

Aumento de conexões doméstico-internacional (2016×2017): 15%