Imprensa

Notícias

Informe o número, companhia aérea, origem ou destino do voo.

Cia. Aérea Horário Voo Destino  
Lista completa de voos

Painéis e palestras contaram com a presença de autoridades do setor aéreo

Rio de Janeiro, 08 de agosto de 2018 – O RIOgaleão, em parceria com a INFRAERO e o DTCEA-GL (Destacamento de Controle do Espaço Aéreo), promoveu o primeiro Simpósio Integrado de Segurança Operacional do Rio de Janeiro. As atividades divididas em dois dias trouxeram, para o auditório do Terminal de Cargas do RIOgaleão, painéis e palestras com temas atuais sobre segurança operacional e que contaram com a presença de autoridades do setor aéreo. A abertura do evento foi realizada pelo presidente do RIOgaleão, Luiz Rocha.

Simpósio Integrado RIOgaleão 003O painel de abertura do primeiro dia teve participação do diretor de operações do RIOgaleão, Herlichy Bastos; do Gerente de Segurança Operacional da Superintendência de Gestão de Navegação da INFRAERO, Luis Xavier e do chefe do Serviço Regional de Proteção ao Voo de São Paulo (SRPV-SP), Coronel Aviador Anderson Turola. O debate teve como tema principal a Política de Segurança Operacional e foi mediado por Rodrigo Moser, especialista da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Em seguida, duas palestras, comandadas por Bruno Blaya, piloto que atua como ponto focal de Fatores Humanos da diretoria de Segurança Operacional da GOL Linhas Aéreas, e Claudia Daemon, psicóloga do SIPACEA do SRPV-SP, falaram sobre o fator humano sob a perspectiva da GOL e no controle do espaço aéreo, respectivamente. Para finalizar o tema, o mediador Rodrigo Moser voltou para comandar um painel com a presença dos palestrantes e, ainda, com a participação de Rosângela Cassano, psicóloga do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA).

Simpósio Integrado RIOgaleão 004O primeiro dia seguiu com a palestra do Tenente Coronel Aviador do DECEA, Jorge Vargas, que falou sobre os riscos do uso indevido de drones no espaço aéreo. O Tenente voltou para o painel em seguida, que também contou com a presença do Comandante do DTCEA-GL, o Major Aviador Fábio Barbosa; do Capitão do SRVP-SP, Paulo Brogin; e do Major do Grupamento Aeromóvel da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Sérgio Alves. Mediados por novamente por Rodrigo Moser, os profissionais falaram sobre a “Integração das operações aéreas regulares e de segurança pública”. O encerramento do primeiro dia ficou a cargo do gerente da Estação Prestadora de Serviço de Telecomunicações e de Tráfego Aéreo (EPTA) de Jacarepaguá, Renan Ferreira.

A abertura do segundo dia de Simpósio foi realizada pelo Comandante do DTCEA-GL, Major Aviador Fábio Barbosa. A primeira palestra, comandada pelo gerente de navegação aérea da EPTA do Galeão, Ricardo Gramelich, abordou a “Modernização do serviço de Informações Aeronáuticas no Rio de Janeiro”. Em seguida, o Major Meteorologista do DECEA, Fernando Abreu, falou sobre as perspectivas da prestação do serviço de Meteorologia Aeronáutica. Ambos os palestrantes retornaram para um painel, mediado por Rodrigo Moser, para falar sobre a evolução dos serviços de tráfego aéreo em benefício da segurança operacional. O debate contou, ainda, com a presença do chefe da Seção de Planejamento de gerenciamento de tráfego aéreo do DECEA, Major Aviador Hugo Rossi.

Continuando com a programação, o especialista da ANAC, Lázaro Neves, abordou o tema “Implantando o Runway Safety Team”. Logo depois, a gerente do Sistema de Gerenciamento da Segurança Operacional (SGSO), Estela Andrade, e o gerente do Centro de Operações e Airside, Felipe Cavalcanti, ambos do RIOgaleão, falaram sobre a segurança operacional para obras e serviços em aeródromos. O último painel do evento reuniu o consultor técnico da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR), Paulo Alonso; o especialista da ANAC, Lázaro Neves; e o gerente do Centro de Operações e Airside, Felipe Cavalcanti, que mediados por Rodrigo Moser falaram sobre a importância do Runway Safety Team e seu papel na segurança operacional. Andrea Cavalcanti, gerente da EPTA do Santos Dumont, foi a responsável pelo encerramento do Simpósio.

“O primeiro Simpósio Integrado de Segurança Operacional reuniu nomes de peso do setor e promoveu uma rica troca de experiências e informações. Estamos todos unidos em busca da eficiência e integração das operações aeroportuárias e de navegação aérea do Rio de Janeiro por um só propósito: a segurança de quem usa o transporte aéreo”, afirmou Luiz Rocha, presidente do RIOgaleão. A transmissão do evento, que aconteceu ao vivo no Canal DECEA, pode ser conferida na íntegra no YouTube (https://www.youtube.com/channel/UCUIbWAcganH8GPotpnHf7gw).

Durante todos os painéis e palestras, os participantes puderam realizar perguntas simultaneamente por meio do site/aplicativo Sli.do. Dessa forma, era possível fazer os questionamentos em tempo real, sem precisar esperar pelo fim da apresentação, quando as questões eram selecionadas no telão e respondidas. O primeiro Simpósio Integrado de Segurança Operacional recebeu 180 participantes em ambos os dias.

Simpósio Integrado RIOgaleão 002Sobre o RIOgaleão

Desde agosto de 2014, o RIOgaleão é responsável pela administração e operação do Aeroporto Internacional Tom Jobim. Com contrato de concessão de 25 anos, a Changi Airports International é a sua principal acionista e subsidiária da Changi Airports Group (CAG), que opera o premiado Aeroporto Changi, em Cingapura, o sexto mais movimentado do mundo e reconhecido como o melhor do planeta. Até o fim da concessão, o RIOgaleão investirá R$ 5,2 bilhões no aeroporto carioca, dos quais R$ 2 bilhões já foram investidos, em melhorias constantes de infraestrutura. O objetivo é trazer novas linhas aéreas, rotas, destinos e estabelecimentos comerciais, para transformá-lo na principal porta de entrada de viajantes para a América Latina. Para mais informações, visite: www.riogaleao.com.